... Virtude ...

domingo, 29 de novembro de 2009

Aqui, Já chegou o Natal !!!



Sim aqui em casa já chegou o Natal, a Carolina estava impaciente durante a semana passada, todos os dias a perguntar quando faríamos a árvore de Natal, assim foi hoje por fim fizemos a árvore de Natal, que belo ver a alegria da Carolina ajudar a mãe a construir a árvore de Natal, sempre pronta com uma bola de efeito na mão e perguntando, “ mãe, mãe posso por aqui a bola…”.
A Carolina também fez a sua própria árvore de Natal, ela mesmo se prontificou em construi-la, não queria ajuda, como ela dizia! Ficando no seu quartinho, como nos anos anteriores. Ficaram prontas, ate quem fim agora só falta por as prendas, a carolina já estava desesperava com este dia. Foi um fim de tarde bem passado cheio de alegria.
Eu também no fim do dia também fui esticar as pernas mais um treino, porque de manha tinha-me levantado cedo para ir correr mas como estava a chover deixei-me ficar, na caminha. Era 18h, lá fui eu mesmo perto de casa já era de noite, gosto de correr a noite e perigoso por causa dos carros mas fica por ser mais sossegado, menos confusão uma "paz" autentica!! Mas acabei por apanhar uma bela molha, já que não foi de manha foi esta tarde, pois lá resolveu chover mas se era chover, ate tive de parar e abrigar-me numa entrada de um prédio, ate que abrandou e segui mas continuava a chover, estava todo molhado não via nada e passei por todas as possas de água que existiam, foi incrível. Menos mal porque já estava a terminar o treino. Este treino foi decisivo para mim porque estava indeciso em inscrever ou não na Meia Maratona de Lisboa, sera a minha segunda Meia Maratona em que vou participar, vou inscrever amanha e ultimo dia ainda a preço acessível, assim ficou mas claro a condição física esta boa, por fim recuperado da lesão, penso eu, agora e mentalizar-me para a prova.
Espero que domingo seja um óptimo convívio e confraternização.


Abraços para todos

domingo, 15 de novembro de 2009

Estaca Zero!

Bem, fiquei pela intenção, hoje iria participar na 1ª Corrida e Caminhada ‘Mão Solidária’ mas afinal o joelho deu sinal de fraqueza. Na quinta-feira ao fim de mais um dia de fisioterapia no duro a caminho de casa, o joelho começou a dar sinal de mau estar, fiquei preocupado então afinal em vez de melhorar estava a piorar! Na sexta-feira tive o dia todo com ligeiro mau estar, quando fui a fisioterapia alertei para o sucedido, disseram se tinha feito algum movimento que provocasse um entorse! Penso que não! Fiz tudo sem que o joelho desse sinal de fraqueza ate que na massoterapia ai sim, durante a massagem as dores aumentaram o tendão estava em alta tensão, ao ponto da técnica dizer, “ate parece uma corda esticada”. As dores eram muitas, mal as mãos “dedos” tocavam no tendão. Então assim no sábado fiz repouso, gelo e massagens com pomada, mesmo assim não me senti a vontade em participar na prova, mesmo estando bem, talvez para não piorar a situação. Após duas semanas de fisioterapia duas provas, Corrida do Tejo e Family Race, e alguns treinos estando a melhorar a bom ritmo e sem dores. Com alguma tristeza vou enfrentar mais uma semana de fisioterapia, nunca sabendo o dia de amanhã!

Boa semana para todos

Abraços

sábado, 14 de novembro de 2009

1ª Corrida e Caminhada ‘Mão Solidária’




Amanhã dia 15 de Novembro realiza-se 1ª Corrida e Caminhada ‘Mão Solidária’, com início às 10h00, corrida de 10 km e caminhada de 3,5 km têm partida e chegada na Av. Almirante Gago Coutinho, em Lisboa. Vou participar mais pela solidariedade, corrida de 10 km e caminhada de 3,5 km têm partida e chegada na Av. Almirante Gago Coutinho, em Lisboa. Gostaria, se sentisse moralmente bem, era na Nazaré, onde se realiza a Meia Maratona da Nazaré, que vão estar alguns amigos da blogosfera que aqui desejo que tudo corra bem, boa jornada. A Delegação de Lisboa da Cruz Vermelha Portuguesa está a organizar a 1ª Corrida e Caminhada ‘Mão Solidária’. O objectivo desta acção é angariar fundos para as causas a que a CVP se dedica diariamente: Idosos e Dependentes, Crianças e Jovens em Risco, Teleassistência, Formação/Saúde e Socorrismo de Proximidade. Participe e dê uma mão à Cruz Vermelha na sua missão de apoio e assistência aos mais necessitados. Para todos aqueles que vão participar nesta prova uma manha domingo cheia de emoções.
Abraços

sexta-feira, 13 de novembro de 2009

6ª Maratona do Porto/Family Race/Mini-Maratona


No passado fim-de-semana tomamos como rumo a Cidade da Invicta, tudo começou no sábado, mal o dia tinha acordado pelas 7h09 já estávamos no comboio aonde já se encontrava a família Almeida para rumarmos a Alvalade para apanhar o “tal” autocarro, que a fantástica RUNPORTO organizou e disponibilizou para os atletas e familiares que irem participar nas provas, uma viagem com o itinerário Lisboa/Porto/Lisboa.
A hora de partida foi as 8h30 e sem demora rumamos a Invicta, foi uma viagem muito divertida deu para tomar contacto com amigos da blogosfera, fortalecer as amizades e conhecer novos atletas. Falamos sobre tudo de “Provas”, as que se realizaram e as que ainda faltam realizar sobretudo a Maratona do Porto, o tema principal. Quando dei por mim já estávamos perto da cidade do Porto, e então fomos em direcção do Palácio de Cristal para levantar os dorsais em seguida almoçarmos, pasta party, muita massa, estava muito bom o almoço. Depois foi ver os stands que lá se encontravam em especial o stand “CORRER POR PRAZER” pois tinha que ir comprar o livro que já o tinha reservado, seguindo a praxe das fotos que nunca pode faltar, simplesmente para recordar.
O tempo passou e era hora de rumar em direcção do Hotel, antes passamos pela rotunda da Boavista e deixar alguns atletas que ficaram alojados na cidade do Porto, nós estávamos alojados num Hotel em Gaia, que foi uma tremenda dor de cabeça, aonde ficamos instalados, nada contra o hotel alias muito bom, mas sim a distância que estávamos em relação ao hotel da organização, enfim coisas da vida, com mais ou menos dificuldade tudo se resolveu bem e acabou bem.
Domingo, 8 de Novembro de 2009, 6º Maratona do Porto, o dia começou bem cedo, pela 7h já estávamos a tomar o pequeno-almoço pensando na prova, logo em seguida dirigimos para o local combinado para apanhar o autocarro, aonde iria a elite, os quenianos, que nos levaria para o local de partida, onde os encontros e reencontros se dão. Destaco positivamente as zonas de partida, divididas e organizadas, o café oferecido antes da partida que deu para aquecer, alguma coisa numa manha fria e com alguma chuva tímida. Não corri a Maratona fiquei-me pela Family Race de 14km, para o ano eu conto engrossar para aumentar no numero de atletas a correr na Maratona. Falando da minha prova, então a hora aproximar-se despedi-me das minhas meninas que iriam participar na Mini-Maratona 6km, e dirigi-me para a zona que me competia sendo 9h deu-se a partida, sentia-me bem com vontade de correr, chovia, mas que sabia tão bem, mesmo uma óptima manha para prática de desporto. Já ia no inicio da Avenida da Boavista e avistei o Joaquim e então juntei-me a ele para lhe dar um incentivo para prova que lhe era longa, corria alguns metros junto dele ate que disse-me, “segue Vítor, este não e o teu ritmo”, então dei-lhe a ultima força e parti. Sentia bem fisicamente num bom ritmo e pensei para mim serei capaz de encontrar o Antonio? Mas havia muitos atletas, e lá fui confiante para a minha prova a tentar reencontrar o Antonio, quase impossível para tentar reconforta-lo e o encorajar, quase no final da avenida reencontrei outra atleta conhecida, Analise Silva grande corredora com grande historial em provas, vai a todas!! Também corri alguns metros, dois dedos de conversa ate que interroguei-me para com ela, ”será que consigo encontrar o Antonio”, então disse-me logo, “deve de estar lá mais para a frente”. Então ai desejei-lhe boa sorte e fui ao encontro dele, tentar. Já no final da avenida avistei atletas que estavam a regressar do primeiro retorno, ai pensei, “será que o vejo”, ate que já próximo do retorno o vi e gritei ”DURO”, acelerei a marcha para o poder alcançar, consegui e corremos juntos praticamente 2,5km, fomos sempre a conversar ele sentia-se bem e estava a efectuar uma excelente média, já se aproximava o meu ponto de retorno seria ao km10, ai passamos pouco mais de 00,48m, então desejei-lhe muito boa sorte para o resto da prova, que iria conseguir fazer a prova como planeava, como acabou por acontecer. Depois do ponto de retorno segui num bom ritmo afinal só me faltava 4km sentia-me bem, só pensava que iria fazer um bom tempo, segui junto da marcação de separação da prova ao longo dessa avenida para ver se via alguns amigos, também deslumbrante paisagem que estava saborear a Foz, o mar encrespado com enormes ondas, lindo, então comecei por ver Analise, depois o Joaquim, José Alberto, também a Susan não conseguindo reconhecer mais ninguém, dando a todos eles incentivo para a prova. Segui em direcção da rotunda do Forte de São Francisco Xavier para depois entrar na Avenida da Boavista para percorrer os últimos 1.5km ate a meta, ia num bom ritmo inclusive passei alguns, não queria dizer muitos atletas, também dando algum incentivo a alguns principalmente os que iam em grupo, nessas passagens um atleta acompanhou-me alguns metros e trocamos algumas palavras de incentivo, mas eu ate estava perplexo com o meu à-vontade que me distanciei acabando com um belo tempo de 1:05:44 Ritmo/km de 0:04:45. Cheguei bem, ao longo da linha de meta tentei ver se encontrava as minhas meninas mas não as vi, depois de receber o saco com os brindes, estando um grande aglomerado de atletas confusão tremenda, comecei ai procura das minhas meninas mas não as encontrava, eu para mim “será que ainda não chegaram, era só 6km” ate que as avistei na zona da meta, então fui ao encontro delas, felizmente correu tudo bem com elas apesar da chuva que se fazia cair pouca mas molhava. Ficamos um pouco a conversa com a minha cunhada também com a Susan e seus filhos Mariana e Luís Carlos, falamos sobretudo sobre os que estavam a fazer a Maratona, também da prova dos 14km que eu e a Susan fizemos, enquanto a Carolina e a Vitoria brincavam com o Luis Carlos filho do “grande” Luis Mota. Como estávamos já despachados, molhados e com frio fomos para o autocarro que estava previsto sair da zona da meta em direcção ao hotel ao 12h, como chovia fomos para o seu interior para nos resguardar da chuva. Eu entrava e saia, estava com curiosidade em ver os atletas chegarem, o Luis Mota tinha falado na zona de partida que tinha a intenção de percorrer a distância em 2h50, então mais ou menos por esse tempo fui em direcção ao local por aonde passavam os atletas, quando ao longe avisto um atleta ao qual reparo que o conhecia, pois sim, era o Luis, então o incentivei nesse momento gritando “Força Luis”, fazendo um tempo bastante abaixo do previsto. Voltei para o autocarro para junto delas para dar a novidade, mas elas também o viram a chegar. O autocarro atrasou-se muito, a espera dos quenianos, ainda bem pois assim deu para ver a chegada há linha de meta o Antonio que também efectuou uma excelente prova, logo de seguida partimos. Depois do reconfortante banho, tempo para almoçar com alguns dos amigos da blogosfera que participaram na Maratona, Family Race e Mini-Maratona juntando-se a nós os meus primos Rogério e Bela que residem no Porto, que ai prometeram que para a próxima edição vão participar na Mini-Maratona, que porreiro!!!
Deu-se as despedidas ao Porto e Gaia, e um ate breve para os amigos da blogosfera, por fim a longa viagem que ainda tínhamos que enfrentar ate Lisboa. Foi muito bom o fim-de-semana que passamos na Cidade da Invicta para o ano quero estar presente mas dessa vez na Maratona!!

Um obrigado a todos.

Abraços






Carolina e eu já estamos a pensar na próxima edição.

terça-feira, 10 de novembro de 2009

Fim-de-semana Cheio de Emoções (Fotos II)

Fotos tiradas no dia em que realizou a Prova Rainha.
Voltarei em breve,para continuar.
Abraços
8 de Novembro de 2009

Campeão Alberto Chaiça, junto de outros campeões


O Aquecimento


Atletas


Inicio das Provas


Carolina no Parque da Cidade


Já final da minha participação


Alberto Chaiça


Esperar que nos levassem para o hotel


Grande Campeão Luis Mota


Foto de Familia


Foto de Familia


Retomar energias, Tempo para almoçar

Fim-de-semana Cheio de Emoções


Realizou-se no passado domingo a prova Rainha de Portugal, 6º Maratona do Porto, na qual eu participei, mas só nos 14km, para a próxima edição vamos ver!!! Minha prova correu-me muito bem, estava muito confiante e no decorrer da prova senti-me muito bem fisicamente percorrendo a distancia em, 1:05:44 Ritmo/km de 0:04:45. Para mim foi um óptimo tempo, pode-se dizer a melhor marca pessoal, hihiihihih. Aos meus amigos que percorreram a Maratona, Family Race e a Mini Maratona, os meus sinceros parabéns pelas suas provas, principalmente para minhas princesas Carolina e Ruth, que me acompanham e participam neste vicio da corrida. Em breve virei com mais novidades deste fim-de-semana Cheio de Emoções.


Agora seguem algumas fotos do fim de semana.

Abraços para todos


7 de Novembro de 2009


Estação do Metro "Entrecampos"

Estação do metro “Campo Grande”

Pincesas no interior do Autocarro


Os "Mestres"


Prontos para festa

Em Pombal


Aurora Cunha entregar os dorsais

As primas no Palácio de Cristal


Ponte da Arrábida

...Com o primo Rogério.


...Com o primo Rogério.


Ao fim do dia no Hotel



continua....

quarta-feira, 4 de novembro de 2009

Eu Vou!!


Sim, quantos faltam apenas 4 dias, para a prova Rainha de Portugal a Maratona do Porto. No dia 8 de Novembro eu vou estar presente na linha de partida, mas para Family Race (14km), pouco mas para a minha condição física neste momento só dá para isto, maratonas quem sabe um dia!! Pois, só ainda tenho 8 dias de fisioterapia, apesar que neste momento não tenho qualquer queixa em relação ao joelho, que está a melhorar a bons olhos. Fisioterapia que tem sido muito dura, no primeiro dia foi só para ambientar ao processo, nos dias seguinte tem vindo a ser cada vez mais duro, saio de lá ate parece que estive num “ringue”, nem eu pensava que era assim! Ando a frequentar a Clínica Nova de Almada acompanhado pelo Fisioterapeuta Vítor Fonseca, e pela Técnica de Fisioterapia Solange. Logo para abrir o apetite, ginásio, alongamentos, um peso no tornozelo que tem vindo a aumentar que já vai nos 6kg, tenho que fazer vários exercícios, depois vem bicicleta e stepper ate agora vai nos 15 minutos cada, mas com a dificuldade sempre a aumentar. Segue-se a Massoterapia conjunto de abordagens terapêuticas visando a mobilização/manipulação de segmentos articulares no meu caso inclui Ultra-sons terapêutico é a vibração sonora de frequências superior a vinte mil ciclos por segundo, não audível pelo homem, Laser e Massagem. Finalmente a Electroterapia consiste no uso de correntes eléctricas dentro da terapêutica. Com isto já me sinto muito melhor do joelho. Já falta poucos dias, no sábado dia 7 iremos em direcção há Cidade Invicta, vamos num autocarro da organização que nos vai proporcionar o transporte Lisboa – Porto – Lisboa para Maratonistas, acompanhantes e participantes dos eventos associados (Mini Caminhada, prova não competitiva de 6 km e Prova Convívio na distância de 14 km). Espero que esteja um fim-de-semana com bom tempo, pelo menos que não chova!! Com esta ida ao porto espero reencontra-me com alguns amigos da blogosfera que vão estar presentes na prova, alguns já vão no autocarro, também com os primos que residem na bonita cidade do Porto, para todos eles um ate já. Estando na Cidade Invicta podemos deliciar com a boa gastronomia do Porto, o prato típico por excelência da cidade são as Tripas à moda do Porto, não faltando a tradicional Francesinha, é da culinária recente, o prato mais famoso, não esquecendo da bebida que tem o nome da cidade é o Porto.

Para finalizar desejo Boa Sorte a todos aqueles que vão participar nesta edição da Maratona do Porto, também para todos os outros atletas que vão participar nos outros eventos, com desejos de óptimas provas.


Descansem, até domingo.


Abraço


Vitor Veloso