... Virtude ...

terça-feira, 16 de março de 2010

15km - Corrida das Lezírias

Corrida das Lezírias

Ontem estrie-me na distância de 15km, Corrida das Lezírias. Como usual eu e as minhas meninas rumamos para mais um dia de convívio de amigos em vila Franca de Xira, mais uma vez por costume o António e Isabel acompanharam-nos na viagem pena que a Vitória não pode ir, coitadinha! No Parque Urbano do Cevadeiro manha muito bonita, solarenga, com algum vento a mistura cidade com referência a Praça de Touros e a Ponte Marechal Carmona pois iríamos atravessar ate ao campo da Lezírias.

Quando o levantamento do dorsal, a Isabel apresenta-me o Miguel Paiva que por curiosidade já nos tínhamos cruzado no porto quando a Maratona, foi na mesma um prazer falar consigo. Nas Lezírias estiveram presentes mais companheiros de estrada e da Blogosfera, o Pedro Ferreira sei que esteve ausente da prova, a Ana Pereira, o Mário Lima, o Luis Mota, a Susan, o Luis Carlos, a Marina este dois os meus parabéns pelas classificações conquistadas, o Joaquim Adelino, a Susana Adelino e o Daniel, o Carlos Lopes, sem faltar o Antonio Almeida.
Na zona partida num aglomerado de “corredores” avistei o meu amigo Mário Lima e o seu inevitavelmente chapéu, 10h30 sinal de partida e ai fui sozinho, mas com algumas cautelas porque esta semana estive a curar as mazelas contraídas nos Trilhos de Almourol.

O princípio correu normalmente com alguma confusão naquele empedrado e com entrada na Ponte Marechal Carmona era toda nossa, com vista para o Campo de Lezírias e o rio Tejo maravilhoso. Estrada, ponte, relva e terra batida foram os vários tipos de piso que tivemos que enfrentar. Já em terras ribatejanas foi engraçado de ver os campinos, personagem singular, guardião da Lezíria e dos animais que a percorrem, orgulhoso sobre o seu cavalo, com a vara na mão. Desta vez quem correu pelas Lezírias fomos nós, os “corredores”, e lá estavam eles os campinos de “guarda”.

O campo de Lezírias muito belo em seus terrenos longínquos que pena ainda não estarem totalmente floridos ai sim seria maravilhoso. Ponto de retorno e o vento já favorável, correndo bem juntinho ao rio Tejo em direcção a ponte sentia-me bem e foi o rolar sem preocupação ate a meta que sabia que teria a minha espera a Ruth e a minha filhota como sempre quando passo por ela lhe toco na sua mãozinha pequenina e bela, muito gratificante saber que estão sempre perto de mim. Termino com tempo de 1h09 num ritmo de 04:35 min/km.

Pois no fim ressenti um pouco do esforço e penso estar a 100% já no próximo fim-de-semana na Meia Maratona de Lisboa na Ponte 25 de Abril. Final como sempre o reconfortante convivo.

Continuaçao de boas corridas










8 comentários:

joaquim adelino disse...

Parabéns pela excelente corrida, espero que as mazelas das ultimas corridas não atrapalhem os intentos para a Meia Maratona de LIsboa,
Abraço.

Fábio Pio Dias disse...

Olá Vitor,

Ainda não foi desta que estivemos juntos, mas tal como já referi, decerto não faltará corridas para nos vermos. Quando o António Almeida levantava o dorsal, ainda vi o Vitor na frente da fila, mas como o mano, Hamilton esgueirou-se para ir buscar os nossos dorsais ...lá se foi a oportunidade.

Um abraço e boa corrida no domingo!

António Almeida disse...

Parabéns pela estreia na distância e com um bom tempo para quem há tão pouco achava que correr a 5min/km era algo complicado, ainda podes e vais decerto evoluir ainda mais.
Abraço.

Mário Lima disse...

Olá Vitor

Como eu disse num comentário no tema anterior, o Vitor iria fazer uma prova de sucesso, pois fazer os 15km a 4'35''/km, depois da "tareia" dos 40km do domingo anterior é muitissimo bom.

A juventude tem dessas vantagens, recupera depressa.

:)


Quando o vi ali em cima sobressaindo na multidão de corredores fiquei satisfeito pois também andei à procura do Vitor e como não o vi pensei que tinha adormecido de novo.

:))))))))))))))

É sempre bom ter os amigos por perto e quando aos amigos se alia a família ainda melhor. Agora à Ruth só lhe falta começar ali nas caminhadas acompanhada da filhota e temos uma equipe formada.

Agora vamos "atacar" a ponte e mais uma vez o Vitor irá fazê-la em bom tempo (embora seja difícil passar aquela multidão toda) e os 5' por km que o António refere é já uma miragem.

Abraços!

Ricardo Baptista disse...

Boa Vitor,
Isto é mesmo um bom tempo e uma boa evolução.
Agora na meia maratona, com aquela gente toda, é muito dificil seguir um ritmo certo, eu já a fiz uma vez e não tenho vontade de a repetir. No entanto desejo-te uma boa prova (os corredores não são todos iguais e as provas podem melhorar de ano para ano).
Mesmo assim é um óptimo treino para a Maratona Carlos Lopes... ãhã?
Um abraço.

luis mota disse...

Olá Victor!
Excelente a tua estreia nos 15 km. Depois de 40 na semana anterior mostra que o corpo recuperou.
Agora é descansar que novos desafios se avizinham.
Uma boa semana para vós,
Luís mota

fat212 disse...

Parabens pela corrida!!!

Bons treinos!!!

MPaiva disse...

Vitor,

Foi bom ter convivido contigo e com os restantes amigos dos blogs. Quanto à prova estiveste bem e faço votos de que tudo corra bem na prova da Ponte.

abraço
MPaiva