... Virtude ...

domingo, 11 de setembro de 2011

35º MMSJL

Grande dupla

Sábado, 10 de Setembro de 2011, S.J. das Lampas em festa dia de participar na prova do grande amigo Fernando Andrade que está de parabéns pelo trabalho e dedicação tem prestado durante estes anos todos, para nos proporcionar uma belíssima Meia Maratona. Uma tarde de muito calor, muitos atletas 423 classificados no final, a dita prova das Rampas que tantos mal dizem, mas será pela dureza ou da falta de treinos dos mesmos!!! Junto da minha princesa Carolina com a companhia da minha irmã Isabel e do TANDUR Filipe Fidalgo, dirigimos para o epicentro da concentração de muitos amigos, companheiros de corrida e da blogosfera corredora. Entre nervosismo e ansiedade da minha parte, houve tempo sufeciente para levantar os dorsais, cumprimentar os presentes, beber café e um breve aquecimento. Foi a terceira vez consecutiva que participei, em 2009 foi aqui o baptismo nas Meias Maratonas apadrinhado pelo Almeida e durante a prova o Adelino, tendo um grande significado para mim, ano após ano marcarei presença, e espero que sem mantenha por muitas mais edições. Depois de algumas fotos, beijinho de ate já a Carolina, eis o inicio da grande prova.
17h00 parti mesmo bem há frente do pelotão, bastante rápido mas o Garmin, indicava e fazia pensar que ainda faltava muito para terminar, a ordem era gerir bem o ritmo, esforço. Entre subidas e descidas ate aos 11km fui na companhia do Filipe, sensivelmente do 6km fomos na companhia da campeã Cármen Pires, companheira de equipa dos Asas do Milénium. Os quilómetros passavam e só esperava pelo mítico Tanque, que em 2009 o Adelino surpreendeu-me bastante!! Eis que avisto o Tanque e um balde ali há disposição, que tinha colado o logótipo da prova e algo escrito que nao reparei disseram-me no final, era tempo de refrescar as ideias, paro encho o balde e ai vão elas, que rica banhoca. Oiço comentários, que grande banho, e respondia “é pelo meu amigo Pára”, presumo que ficaram na mesma, mas eu tinha que o fazer!! Faltava os 10km finais, foi uma luta comigo mesmo para obter algo, ia sozinho, sentia-me bem fisicamente e moralmente, sentia-me confortável e consegui manter sempre um bom ritmo. Os quilómetros iam-se conquistando, ia passando atletas que foram muitos, alguns que caminhavam nas subidas, tudo dava-me ânimo e a minha auto-estima aumentava. São Joao das Lampas a vista, 2.5km finais o vento contra não ajudava em nada, alguns atletas que passava que se colavam e tentavam manter-se atrás de mim para se protegerem, era um sacrificado chegar-me a eles e queriam "boleia" nao gosto, aumentava o ritmo e deixava-os para traz. Cifrando que os atletas tiveram um forte apoio da população e familiares durante a prova toda, não houve tantos chuveiros como em 2009 mas agora estamos em crise, há que poupar. O pórtico da meta a vista com muita gente aplaudir, dai que avisto a minha princesa já apostos para percorrer os metros finais ultrapassar mais uma meta em conjunto e mão dada.

Termino a minha terceira participação em S.J. das Lampas, nos 21.26km marcados pelo Garmin, em 1h35’40 num ritmo 04:30 min/km, classificado no 31º lugar no escalão M24/39, terminei no 95º lugar em 421º atletas na geral da classificação.

Os TANDUR ficaram na historia, náo acabaram mas.... Foi uma excelente tarde princípio de noite de sábado muito agradável junto dos amigos e família. Para 2012 marcarei novamente presença em São Joao das Lampas.

Uma meta conquistada

3 comentários:

Pedro Ferreira disse...

Foste brilhante! Grande prova e excelente resultado!

Henriqueta Solipa disse...

Excelente resultado!

Felicidades para a Grande Dupla

Beijinho

Anónimo disse...

Parabéns, força nesses treinos e nessas corridas.
Abraço,
António Almeida