... Virtude ...

sábado, 14 de abril de 2012

III Trilhos de Almourol


Realizou-se no dia 1 de abril de 2012 os III Trilhos de Almourol, a minha prova preferida pelo facto onde iniciei as correr por caminhos e terrenos onde quase ninguém se lembra em correr. Gostei muito do trail, a organização esta de parabéns, desde a primeira edição tem vindo a melhorar, tem pessoas que sabem do assunto, Brito e sua equipe esteve brilhante, e que está tudo pensado ao maximo pormenor, fazendo com que os atletas tenham todo o acompanhamento, não faltou nada.
Trail com caminhos limpos bem abertos, alguns bastantes técnicos, excelentemente marcado, entre pontes, passadiços improvisados, tivemos o privilégio de visitar ao Castelo de Almourol a cereja no topo do bolo, prova com seu nome algum dia tínhamos que por la passar, mas com aquelas paisagens deslumbrantes ate nos esquecemos…. da dureza da prova. Que o Trail-aventura e assim, nada fora do contexto duma prova deste gabarito…. Das provas em que já participei esta sem dúvida a mais durinha. Poderia ser mentira mesmo antes do inicio no "briefing" o Brito salientava que a distancia aumentaria mais 1km, assim passaria de Maratona Montanha para UltraMaratona não fiquei totalmente convencido podia ser uma mentira… mas no final acabaria por ser verdade.
Apesar de ser dia das mentiras tudo foi bem real. Bem cedo apanhei o Mário Lima em que tivemos a falta de comparência da Sara que iria participar na caminhada que ficou por lisboa, assim seguimos os dois para o Entroncamento. Com tempo suficiente chegamos ao local de concentração no pavilhão desportivo instalações amplas bem apetrechadas com bastante espaço para todos, Entrega de dorsais, a distribuição dos atletas pelos autocarros, tudo bem centralizado para que não houvesse stress. Depois da pequena longa viagem de autocarro ate ao local de partida, Aldeia do Mato local bem familiar e dali temos uma vista privilegiada para lagoa da barragem Castelo do Bode, paisagem que enche…
Na hora e local previsto deu-se o início da prova, apesar da meteorologia prever mau tempo, chuva, naquela altura  estava prefeito, ia prevenido com o impermeável  mas depressa o tirei e coloquei no cameblack para eventual utilização, não sendo necessário porque não choveu. Estava bem, sentia-me em perfeitas condições para aventura, mas depressa passou do perfeito a incapacidade de reagir. Decorreu bem até aos 8km, partir dai, decadência começou a notar-se e influenciar na prestação. Parecia que o peso aumentou, pernas presas os músculos atrofiados e com passar dos quilómetros não ouve melhoras. Companheiros que passavam interrogavam-me se estava bem mas mostrava que não, assim notava que não estava nada bem. Não me sentia cansado, não tive cambreas, estava bem-disposto e nem mesmo as “Bombas” com nome de extreme-gel fazia ter melhoras, e tudo isto me fez relembrar que não tenho dado o descanso merecido ao corpo, não sou de ferro, há dias bons e outros menos bons e esses nos fazem ver as coisas na realidade.
Apesar das dificuldades foi a prova em que aproveitei para reparar melhor nas paisagens maravilhosas e ver que há muito para explorar.
Com chegada ao Entroncamento com final dentro do pavilhão desportivo muito engraçado, Terminei o III trilhos de Almourol a 1ª Maratona de Trail ASICS  Trail Aventura na distancia 42.9km pelo Garmin em 4h44’07 ritmo de 06:36 min/km, classificado no 34º lugar no escalão Sénior em 162º atletas, no 60º lugar em 268º atleta na classificação geral, representei o meu clube Os Asas do Milenium/Praticante que voltou a mostrar em mais uma prova o real valor dos seus atletas, arrecadando o 2º lugar por equipas em 17 equipas presentes.
Agora e recuperar a motivação….

2 comentários:

José Xavier disse...

Vitor,

Boa corrida, apesar dos imprevistos físicos.
Na próxima será melhor, certamente.

Força.....e boa continuação.

Abraço dos Xavier's

Joka disse...

Classe A guerreiro !!! Parabéns