... Virtude ...

quarta-feira, 28 de agosto de 2013

31º Corrida do Bodo

Castelo do Pombal

Antes de seguir viagem ate á bonita cidade do Pombal para participar na Corrida do Bodo, o dia iniciou com treino especial organizado pela ProRunner  para celebrar o seu 1º aniversario, dividiram em dois grupos de corrida de 10k e de 5km, com aderência de certa de 200 atletas formou-se uma mancha florescente que coloriu ainda mais o Parque das Nações. Estive incluído no grupo dos 10km, conclui em 51min.

Depois almoço segui para Pombal com a Carolina ao encontro dos amigos que nos aguardavam, a cidade em festa ruas coloridas e muita diversão, festas que anualmente se realizam na Cidade de Pombal, intituladas Festas do Bodo. A cidade acolheu entre muitos visitantes também as centenas de atletas que participaram na 31ºCorrida do Bodo incluía a prova principal 10km, Mini-corrida e Caminhada todas percorridos pelo centro da cidade, num circuito que cada volta tinha cerca de 3.4km, foi três voltas para completar os cerca de 10km que para mim se torna massacrador e monótono. 

Pelas 19h o inicio da prova, em clima de festa, as ruas cheias de gente e uma temperatura agradável, estavam presentes alguns atletas de renome que lutavam pela vitoria e pelos prémios monetários… Rui Silva venceu  a prova com 29,51min, no sector feminino Carla Martinho 35,21min. 

Corri nesta prova pelos CBA e completei os 10km em novo PR 41,18min tempo chip, ritmo 04:07 min/km, classificado 68º lugar escalão sénior, 154º lugar em 421º atletas na classificação geral. 

Depois no desenrolar da noite foi aproveitar a festa e as varias diversões disponíveis.  


ProRunner




domingo, 25 de agosto de 2013

Kayak Trail do Tejo

Imagem que reflete o que os olhos sentem... 
Dupla para vida

Felizmente temos pessoas de boas ideias, dia 14 de julho 2013 nasceu este novo conceito de desporto teve uma aventura inédita que incluía uma descida de rio em Kayake com a continuidade de uma corrida Trail, desta primeira edição do “Kayak Trail do Tejo” foi um êxito, foi "Camandro, do Catano e do Caneco", os parabéns a C.A.S.P.A.  GreenRoc e todos aqueles os envolvidos que nos fizeram proporcionar esta grande aventura.

Deste o primeiro instante fiquei entusiasmado com ideia, mas primeiro teria de ter companhia o regulamento indicava que teria de ser equipa composta por dois elementos, fixe, não será entrave conseguir companhia. Dupla particamente constituída e inscrita, e desfeita por duas vezes que me levavam a desamimar e desistir da estar presente. Eis a reviravolta no cenário, apareceu o Pedro Gabriel que mostrou imediatamente interesse em participar e fazer dupla comigo, assim os “Kaylentos” estiveram presentes nesta aventura.   

Era primeiro contato que teria com um Kayake e a tarefa de manter sentado e sincronizar manejamento dos remos era algo estranho, adorei e foi um experiencia espetacular. O percurso do Kayak com sensivelmente 7km na sua totalidade pelo rio Tejo, inicio rio Zêzere em Constância com termino em Tancos, foi uma descida totalmente calma sem muita corrente nem ondulação que nos fariam dar aos braços para estar em movimento, com o marco alto a passagem junto ao imponente Castelo de Almourol. Na parte de Trail o percurso com a sua agressividade e dureza de 16km inicio em Tancos que nos levava ao encontro com Constância numa diversidade de terrenos, zonas muito técnicas nalguns rápidos, com a novidade a inclusão de zona de areia, alguns trilhos não desconhecidos por mim que fizeram relembraram as quatro edições dos Trilhos de Almourol. No final o convívio entre todos junto ao rio Zêzere na bonita vila de constância que reunia atletas e família num churrasco intitulado “AssaTu”, são nestes momentos que se criam laços de amizade, quanto ao evento  decorreu dentro da normalidade que assim nos proporcionaram um dia diferente num clima de grande festa.  

Kayak Trail do Tejo nesta primeira edição teve 69 equipas presentes num total de 138 atletas a partida, com os vencedores a dupla Vitor Ferreira, Pedro Santos dos “Gaiatos Estremenhos” no tempo somatório do Kayake e Trail em 2h35’38.

Os “Kaylentos” de Vitor e Pedro concluíram a prova num tempo somatório de  2H59’10, onde obtiveram o 11º lugar da geral em 69º equipas das quais 57º equipas concluíram dentro do tempo estipulado.


Foi bom regressar aquela linda Terra, e deixo o meu agradecimento ao Pedro Gabriel pela companhia, e para ano regressarei sem duvida…




KayLentos

domingo, 4 de agosto de 2013

4º Trail do Almonda

4º Trail de Almonda que se realizou no dia 7 de julho 2013, dia propício para que tudo decorresse as mil maravilhas, havia vários fatores, a Carolina festejava o seu 8º aniversario, tinha maravilhosa companhia, estava no local onde estavam presentes os meus amigos, estreia a correr pela nova equipa, novas cores do  “O Mundo da Corrida”.

Indiciava à Perfeição, mas apreensivo com o que tinha pela frente, 30km pela Serra de Aire  acompanhado por um sol (calor) tórrido. Antas do inicio da prova o ambiente era alegre e brincalhão, como é normal, mas com o desenrolar do tempo e da prova a temperatura aumentava cada vez mais, atingindo talvez 44º  ou mais.  Preocupava-me a comitiva que ia comigo, tendo os deixado cada um por si. No dia anterior fiz um treino tendo   percorrido 50km de bicicleta, por isso estava mentalizado que não podia aventurar em grandes aventuras no trail. Apesar do muito calor, percurso muito técnico perigoso e difícil, mas consegui vencer todas as adversidades, adversidades que desperta em nós capacidades que, em circunstâncias favoráveis, teriam ficado adormecidas.

Termino a prova e tento falar com a Paula que nos 3km iniciais insistiu como tal ordem fosse para que eu seguisse, que ficaria bem, ia esperar pela companhia do Alfaiate. Ao entrar em contacto,  informa-me  que esta no abastecimento 21k e que iria desistir, foi o mais sensato, e que o Mário entre outros estavam em extrema dificuldades num estado de desidratação total. Passei do céu para inferno, sentia-me inapto, tão perto e tão longe, de mãos e pés atados por não poder fazer nada para os ajudar. Sei que foram duas horas de stress ate os voltar a ver, o Mário estava mesmo mal ao ponto de ir para Hospital.

Ilações que tiro, a prova podia perfeitamente ter sido antecipada pelo menos uma hora ou de forma radical ser cancelada, eu vi e deparei com muitos atletas a chegarem a meta e grande dificuldades ao ponto dos bombeiros não dar razão a tantos pedidos de auxílio. Foi um dia difícil, péssimo ao que merece pensar e tirar ilações em tudo que se passou, para melhorar no futuro. Felizmente não aconteceu o pior,  estado meteorológico ninguém pode programar, mas cada vez mais estão a por as provas Trail deveras perigosas, e só acordaram quando acontecer algo de muito grave. 

Sigo para sul e deixo Mário entregue aos cuidados médicos e com Margarida, Eduardo e Joao, que disponibilizaram para ficar com ele para eu poder festejar o aniversário da minha Carolina.

È secundário mas fica o meu registo na 4º Trail do Almonda, representei O Mundo da Corrida, completei a distância 30.2km pelo Garmin em 3h49’36 ritmo de 07:38 min/km, classificado no 34º lugar no escalão Sénior em 101 atletas, no 76º lugar em 256º atletas na classificação geral.

Deixo aqui a minha opinião em relação em receber merecido prémio de vencedor da prova, és o maior amigo Luis Mota.



Que dia difícil que ficara na memoria.



Team O Mundo da Corrida

34º Corrida das Fogueiras


No passado mês de junho no ultimo sábado como tem sido habitual, decorreu a 34ª Corrida das Fogueiras (15 km) contou com 2700 inscritos e a Corrida das Fogueirinhas (6 km) com 2851, o que perfaz um total de 5551 atletas a participar naquela que é considerada a "maior corrida soturno de Portugal". Este ano foi também "a mais participada de sempre".

Correr em óptima companhia, á noite, junto ao mar, numa estrada iluminada pelas fogueiras, o céu prateado e em Peniche é algo de único, um público que deve ser único em Portugal não regateia um aplauso aos milhares de atletas que se divertem nas suas ruas proporcionando-nos uma bela tarde, início de noite no dia de São Pedro, aprazível para mais tarde se recordar e ...voltar.

Após longa ausência, desde 2010 que não regressava a Peniche para correr e desfrutar desta maravilhosa prova, minha Carolina esteve presente e a restante família de runners, confraternizamos como não houvesse o amanha e no final desgostamos a bela da sardinha.

Representei pela ultima vez C. Benfica do Seixal, completei a distância de 15km cronometrada pelo chip em 1h20’15 ritmo de 05:19 min/km.


Foi bom regressar e a adorei a companhia.


Team Fogueiras/Fogueirinhas